quinta-feira, 23 de outubro de 2014

A Igreja e a Homossexualidade

Mais uma vez quero expressar a minha opinião em relação a homossexualidade, como numa materia anterior eu ja havia expressado, sou heterossexual, muito bem satisfeito e resolvido com a minha orientação sexual, casado, pai de 5 lindas e maravilhosas filhas, evangélico praticante batizado em 1982, porem vejo com indignação a maneira como a igreja tem se posicionado em relação aos homoafetivos "Se" a igreja tem tanta certeza que a homossexualidade é pecado, e por isso ela o combate, então porque não usa do mesmo critério em relação ao adultério, pedófila, aborto,prostituição, assassinato, estupro... seria porque na grande maioria, esses pecados são realizados por heterossexuais? Gays, não conseguem procriar filhos, mas conseguem criar os filhos que os irresponsaveis heterossexuais abandonaram, não sei qual seria a minha reação ao ver duas pessoas do mesmo sexo se beijarem, mas com certeza não seria pior do que ver torcedores heterossexuais se matando por causa de rivalidade no futebol, ou a orgia que rola solta nos bailes funk, a passeata gay não me incomoda, o que me incomoda é muitas vezes, e não poucas, ouvir da minha casa ou andando na rua, musicas sendo ouvidas em alto som por heterossexuais, aonde o nome dos órgãos genitais, tanto o masculino quanto o feminino, são retratados da maneira mais grossa e pejorativa possível, morei um ano e meio no Ceará, fiquei decepcionado com o que vi naquele estado, crianças sendo usadas para satisfazer os instintos animalesco de muitos adultos heterossexuais, e quando me indignava com isso, ouvia como reposta, "normal isso aqui" O argumento de que não foi Deus que criou os homoafetivos, para mim é infundável, pois Adão pelo que entendemos não era anão, mas convivemos pacificamente com os anões, Adão pelo que entendemos não era deficiente fisico, mas convivemos perfeitamente com os deficientes fisicos, Adão com certeza só tinha uma etnia, e convivemos perfeitamente com pessoas de qualquer etnia. Deus criou os seres humanos, nos quais estão inclusos todas as pessoas do mundo, independente de suas orientações sexuais, uma coisa foi o mundo antes de Adão cair, outra coisa é o mundo após a queda de Adão, tanto que Adão antes da queda era imortal, após a queda tornou-se mortal. A questão da homossexualidade precisa ser reconsiderada e tratada com profundidade e não superficialmente como muitos a tratam, devemos analizar o que leva alguem a homossexualidade, não sou expert no assunto, mas a meu grosso modo de ver, percebo 3 grupos de pessoas que se enquadram na homossexualidade, o primeiro é aquela pessoa que entra nessa vida só pra saber como é, ela quer curtir e não se "importa como" na realidade essa pessoa é um hetero pois gosta mesmo de pessoa do sexo oposto, mas quer buscar novas experiências, e é esse tipo de comportamento ao meu ver, que a Bíblia condena, o segundo é aquela pessoa que na infancia foi abusada, e as primeiras experiencias sexuais que teve foi com alguem do mesmo sexo, ou seja, inconscientemente ela foi introduzida na homossexualidade, gerando assim a inclinação para a preferência sexual com pessoas do mesmo sexo, o terceiro é aquela pessoa que ja nasceu assim, ou seja, desde que aflorou seus instintos sexuais, eles foram direcionados para pessoas do mesmo sexo. Uma coisa é certa, os homoafetivos estão cada vez mais organizados e buscando seu espaço na sociedade, hoje possuem voz propria, e querendo ou não querendo, a igreja vai ter que conviver com essa realidade. Vale lembrar que a igreja ja errou em algumas de suas avaliações no passado, como por exemplo, no século XVI ao se colocar contra a verdade de que não é o sol que gira em torno da terra, mas sim a terra que gira em torno do sol, o que quase levou a morte de Galileo pelo tribunal da então chamada "Santa Inquisição" Nem todos que são da minha cor sabem, mas a Ku Klux Klan (Organizações Americanas que apoiavam a supremacia "Branca e o Protestantismo" fundada pelo general Nathan Bedford Forrest da cidade de Pulaski, Tennessee, em1865 após o final da Guerra Civil Americana.) era apoiada pela igreja, e baseado em suas interpretações biblicas e ideologias matou e perseguiu muitos negros.eles diziam que os negros eram macacos evoluidos sem alma. Tambem não devemos nos esquecer da intolerância das "Cruzadas e das demais atrocidades da Inquisição" , por isso cabe a igreja ter mais cautela e procurar aprender com seus erros do passado. Me batizei em 82, naquela época a igreja pregava o desapego da riqueza, hoje ela prega a prosperidade, na minha epoca os irmãos eram elogiados quando faltavam na escola pra ficarem indo para os cultos, e muitos lideres justificavam isso dizendo que a letra matava, mas o espirito vivificava, a passagem realmente existe, mas a aplicação dos lideres daquela época estava equivocada, hoje pelo nenos as igrejas serias incentivam a estudar. Sou heterossexual, e não deixarei de ser por pensar como penso, devemos buscar meios pacificos de convivencia, respeitando cada um o livre arbítrio que Deus deu para o outro, sei que muitos mais uma vez irão me criticar, mas os que me conhecem ja sabem, essa é uma coisa que não me incomoda, e a você que tem um filho ou alguem próximo homoafetivo, quero te lembrar que você deve amar essa pessoa com o mesmo amor que a amaria se ela fosse um heterossexual, e para os fanáticos e fariseus de plantão, deixo o lembrete, DEUS É AMOR, E NÃO TERROR!!! Nos Laços do Calvário Que Nos Une!!! S.Silva

domingo, 5 de outubro de 2014

Aonde foi que Sansão Errou!!!





Logo após a morte de Josué filho de Num, Sucessor de Moises, a jovem nação de Israel, passaria por um período de instabilidade, aonde não conseguia manter um padrão moral exigido por Deus.
Nessa  época  a  nação  seria governada por Lideres, chamados Juízes, o primeiro Juiz foi Otniel “ em algumas traduções Otoniel”, e o ultimo Samuel, nessa matéria falaremos um pouco sobre o 13º Juiz de Israel “Sansão”.
Sansão era um nazireu da tribo de Dã, e a Bíblia no livro de Juízes deixa bem claro  “O Espirito do SENHOR era sobre ele”, e por 20 anos Sansão Julgou a Israel, todos já ouvimos falar como ele rasgou um leão, ou como arrancou as portas da entrada de uma cidade e as deixou no cume de um monte, ou a passagem mais conhecida aonde ele fere mil filisteus com uma queixada de jumento.
Se hoje Sansão fosse membro de nossa Igreja com certeza ele teria muito testemunho para contar, muita obra para relatar, nos contaria muitos milagres. Deixar-nos-ia perplexos.
Sansão tinha algo que o diferenciava de todos os seus antecessores e de seu sucessor, ele não precisava de um exercito, tamanha era o operar de Deus na Vida dele, que não era necessário chamar por ajuda de mais ninguém.
Mas, todos conhecemos o seu final, foi cegado e no final vingou a cegueira de seus dois olhos matando todos os que estavam no templo de dagom, mais isso também custou a sua vida, o que queremos refletir é como alguém tão cheio do Espirito do Senhor pode Cair desse Jeito.
Eu particularmente não concordo que um homem que matou tantos homens foi vencido por uma mulher “Dalila”, não subestimando a capacidade de mulher alguma, longe de mim isso, mas, arrazoando que quando Sansão cedeu a Dalila ele já estava em queda.
Antes mesmo de ter seus olhos cegados pelos filisteus, Sansão já tinha sua visão espiritual cegada pelo pecado, Não foi Dalila que venceu Sansão, foi a sua desobediência que o venceu, ele foi vencido pela arrogância, pois se achava autossuficiente, melhor do que todos, e que não precisava se submeter aos mandamentos de Deus.
Vale lembrar que antes mesmo de Dalila, ela já tinha tomado por mulher, uma mulher que não era das tribos de Israel, o que na época para nenhum Israelita era permitido: “ Quando o SENHOR teu Deus te houver introduzido na terra, à qual vais para a possuir, e tiver lançado fora muitas nações de diante de ti, os heteus, e os girgaseus, e os amorreus, e os cananeus, e os perizeus, e os heveus, e os jebuseus, sete nações mais numerosas e mais poderosas do que tu; E o Senhor teu Deus as tiver dado diante de ti, para as ferir, totalmente as destruirás; não farás com elas aliança, nem terás piedade delas;Nem te aparentarás com elas; não darás tuas filhas a seus filhos, e não tomarás suas filhas para teus filhos; Deuteronômio 7:1-3

Sansão era Nazireu e Jamais poderia ter tocado no cadáver do Leão e nem ter tomado Vinho, ”O Senhor disse ainda a Moisés:  "Diga o seguinte aos israelitas: Se um homem ou uma mulher fizer um voto especial, um voto de separação para o Senhor como nazireu,  terá que se abster de vinho e de outras bebidas fermentadas e não poderá beber vinagre feito de vinho ou de outra bebida fermentada. Não poderá beber suco de uva nem comer uvas nem passas. Enquanto for nazireu, não poderá comer nada que venha da videira, nem mesmo as sementes ou as cascas.  "Durante todo o período de seu voto de separação, nenhuma lâmina será usada em sua cabeça. Até que termine o período de sua separação para o Senhor ele estará consagrado e deixará crescer o cabelo de sua cabeça. Durante todo o período de sua separação para o Senhor, não poderá aproximar-se de um cadáver. Mesmo que o seu próprio pai ou mãe ou irmã ou irmão morra, ele não poderá tornar-se impuro por causa deles, pois traz sobre a cabeça o símbolo de sua separação para Deus. Números 6: 1 – 7”

E não bastando toda essa desobediência, Sansão ainda se relacionava  com prostitutas e por final escolhe mais uma vez como mulher, uma mulher que não é das tribos de Israel “Dalila”.

Sansão hoje tipifica com muitos crentes que por acharem que Deus os usa, e faz milagres na vida deles, eles podem andar como bem quer, tenho certeza que Sansão era aconselhado por algumas pessoas na sua época, com certeza havia quem lhe dizia: cuidado Sansão você precisa se consagrar mais, isso que você esta fazendo é errado, mas, assim como muitos hoje em nossos dias, Sansão não tinha a sua atenção voltada para os mandamentos de Deus, mais sim, nas realizações dos milagres, das proezas e dos elogios, ele achava que pelo fato de Deus estar operando através dele, as coisas erradas  que ele fazia era tolerado por Deus, esquecendo-se que Deus não faz acepção de pessoas, e ainda diz:” Pois eu sou o Senhor, o Deus de vocês; consagrem-se e sejam santos, porque eu sou santo. Leviticos 11:44”
Deus usa de quem Ele quer, usa do Justo, usa do ímpio, usa do homem, usa do animal (como a Baleia que engoliu Jonas, ou os corvos que levaram comida a Elias, ou a Jumenta que Falou com Balaão etc...) , mas o homem ou a mulher usado(a) por Deus, jamais devera se sentir especial, ou acima do bem e do mal.
Não existe exceção a doutrina deve ser guardada por todos e aqueles que se sentem usados por Deus devem sim, fazer a vontade de Deus, mas.... com toda a santidade: “Maldito aquele que fizer a obra do Senhor relaxadamente… Jeremias 48:10 ”
E pra finalizar:  O Senhor está convosco, enquanto vós estais com ele, e, se o buscardes, o achareis; porém, se o deixardes, vos deixará. 2 Crônicas 15:2

Nos Laços do Calvário Que Nos Une!!!

S.Silva

terça-feira, 1 de outubro de 2013

OSCULO SANTO & VÉU

Sempre que ouvimos alguém falar da “superioridade da Congregação Cristã no Brasil”, geralmente a justificativa vem acompanhada de que, somente a congregação tem a genuína doutrina, pois é uma igreja que usa o véu, e que os irmãos dão o osculo santo “entre sí”, e essa seria a prova de que a congregação é a única igreja certa.
Mas.... será mesmo que o osculo que a Congregação da é o osculo santo, e que a mulher que ora ou profetiza na igreja esta desonrando a si mesma?
Como Cristão, tenho por regra de fé e pratica a Bíblia, e é nela que deve estar fundado a nossa fé, levando isso em consideração, eu vou provar que o osculo “santo que a Congregação dá” nada tem a ver com o osculo dos dias de Jesus.
Primeiro o Osculo da Congregação é dado só entre os domésticos da mesma fé (ou seja um membro da congregação só pode oscular outro membro da congregação)
Pois, se amardes os que vos amam, que galardão tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo?  E, se saudardes unicamente os  irmãos, que fazeis de mais? Não fazem os publicanos também assim? Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus, ou seja, Jesus deixou clara a sua posição, de que a saudação deve ser dada a todas as pessoas, e não somente entre os irmãos, ao ensinar ao contrario a Congregação distorce a palavra de Deus.
Segundo  o Osculo da Congregação, é evitado no meio de pessoas que não são da congregação, “a não ser que essas pessoas estejam num culto na Congregação”
Segundo é dito, não se saúda com o osculo no meio de pessoas em outros lugares para que não haja escândalo, isso nos faz lembrar de um certo homem que convidou Jesus para uma refeição, alem de Jesus, não sabemos ao certo quantas pessoas tinham lá. Pois naquela época, as refeições para convidados era um banquete, aonde vinham muitas pessoas, bem, não quero fugir do texto, não sei precisar quantas pessoas estavam La, mas, a Bíblia é bem clara: uma prostituta também estava lá, e o tal homem não saudou a Jesus, e Jesus não gostou: E, voltando-se para a mulher, disse a Simão: Vês tu esta mulher? Entrei em tua casa, e não me deste água para os pés; mas esta regou-me os pés com lágrimas, e os enxugou com os cabelos de sua cabeça.Não me deste ósculo, mas esta, desde que entrou, não tem cessado de me beijar os pés. Essa idéia de esconder a saudação em publico para evitar escândalo, não era compartilhada por Jesus não, aliais ele já havia dito: E bem-aventurado é aquele que não se escandalizar em mim.
Terceiro qual era o propósito do osculo.:
O osculo nada mais era, do que a forma como as pessoas se cumprimentaram nos dias de Jesus, eles não tinham por costume apertarem a mão, como nos temos, mas sim, dar um beijo, como algumas pessoas hoje em nosso meio também fazem, ao dizer que eram para saudarem com um osculo santo, Jesus estava dizendo: quando você cumprimentar alguém faça com sinceridade e amor, pronto é só isso, se Paulo que escreveu Saudai-vos uns aos outros com o osculo santo, estivesse entre nós, ele diria, aperte a mão de  quem você for cumprimentar com muito amor e sinceridade, prova disso é que: nos lugares que os crentes da congregação se sentem “envergonhados” de dar um beijo, eles cumprimentam apertando a mão, ou ate acenam de longe com a mão, e esta feito o cumprimento, caso o osculo santo fosse tão importante e obrigatório, eles teriam que dar ele independente das criticas que receberiam, e não se esqueçam nem todo o osculo é era santo, Judas traiu Jesus com um osculo.
Agora Vamos pro véu:
Que tanta santidade tem num pedaço de pano? já ouviu falar no santo sudário, o pano La que muito dizem ter o rosto de Jesus, pois é na congregação também tem um pano famoso, o véu.
Diz a Passagem Bíblica: Mas toda a mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta, desonra a sua própria cabeça, porque é como se estivesse rapada, duas coisas chamam a atenção aqui a primeira é que Paulo não diz que a mulher desonra a Igreja, mas sim que ela desonra a sua própria cabeça. E a segunda é que ele diz que é como se ela estivesse cabeça rapada.                
Cabeça...  Entendemos o que Paulo disse, mas será que entendemos o que Paulo quis dizer? A mulher desonra sua própria cabeça, mas como poderia uma mulher desonrar a sua própria cabeça? Mais  que cabeça Paulo estava querendo falar..... o que será que Paulo considerava a Cabeça da Mulher? Bem o jeito é procurar... só mais um pouco..... to chegando..... achei!!!  Mas quero que saibais que Cristo é a cabeça de todo o homem, e o homem a cabeça da mulher; e Deus a cabeça de Cristo.
Pelo que entendo Paulo estava dizendo que a mulher que não usava o véu ao orar ou profetizar  desonrava o seu esposo.
Raspada.....A outra coisa que nos chama a atenção é  a palavra raspada, para isso precisamos entender um pouco da época da Cidade de Coríntios, pois foi pra ela que Paulo escreveu a carta.
Coríntios era uma cidade portuária, uma grande metrópole da época, aonde existiam grandes transações mercantis, os marinheiros passavam muito tempo  no mar, sem uma presença feminina, e quando desembarcam em Coríntios, iam direto procurar os “serviços” das profissionais do amor, inclusive mesmo hoje em nossos dias, nas localidades que existem portos, é comum a presença de prostitutas.
La em Coríntios também existiam as 1.000 sacerdotisas de Afrodite, elas se prostituíam no templo, e eram obrigadas a raspar a cabeça para se diferenciar das mulheres que não se prostituíam.
O  costume judaico ensinava que toda a mulher casada devia usar o véu, pelo que da  para  entender, uma mulher casada sem o véu, era facilmente confundida com uma “solteira disponível” e isso justifica o “Desonra a sua própria cabeça”  “o seu marido”, poderia ser confundida com uma prostituta,  enfim Paulo queria que as Irmãs não fossem confundidas com mulheres da vida, e o sinal externo do casamento era o véu, porem hoje em nossos dias não é, hoje é a aliança, é através da aliança que identificamos se uma mulher é ou não é casada, lógico que tem as que não usam, e que dependendo da situação freqüentemente, se colocam em condições de risco sendo  confundidas com as solteiras.
Fora isso olha que interessante, uma irmã num restaurante ao se alimentar, se ela for temente com certeza ela vai orar, ou se estiver num ônibus e surgir um ladrão, e começar a ameaçar todo mundo, nossa irmã temente vai clamar e vai orar, ou, ao fazer um prova, ou mesmo ao ser entrevistada para uma vaga de emprego, ela vai orar certo??? Só que se fossemos levar ao pé da letra o que Paulo escreveu, se ela estivesse sem o véu, ela jamais deveria orar, pois a sua oração estaria desonrando a sua própria cabeça, ai muitos vão dizer. Mas se não da pra por o véu, é motivo de força maior, ai pode orar sem o véu, enfim o ministério da congregação abre uma brecha, mas..... Paulo, não. Mas toda a mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta, desonra a sua própria cabeça, Não encontramos nas Palavras de Paulo, uma exceção.

Nos Laços do Calvário Que Nos Une!!!

S.Silva